sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Querido blog, a primeira vez num congresso a gente não esquece

Em 24 e 25 de abril, a equipe Tagarela foi a Campinas para o 4° Encontro de Divulgação de Ciência e Cultura na Unicamp. Pudemos compartilhar com as pessoas informações sobre o blog e o WBT.

--

Por Jéssica Martins e Ygor da Costa

Em uma tarde ensolarada do dia 24 de abril, transitaram pelo aeroporto do Galeão, no Rio, duas focas super ansiosas que tinham como destino de viagem a cidade de Campinas, em São Paulo. O objetivo era participar do 4° Encontro de Divulgação de Ciência e Cultura (EDICC) na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Chegamos ao hotel onde ficamos hospedados FAMINTOS por volta das 20h30. Saímos para jantar, voltamos e… apagamos na cama!

No dia seguinte, às 9h, já estávamos no auditório assistindo à mesa de abertura. O tema escolhido para esta edição do EDICC foi “Resistência: perspectivas em cultura, ciência e tecnologia”. Os participantes da mesa chamaram a atenção de como esse encontro é importante, principalmente no cenário político atual. As áreas de ciência, tecnologia e cultura vêm perdendo recursos e é fundamental que saibamos o que está acontecendo em nosso país!

Nós dois e a nossa orientadora, Renata Fontanetto. :)


Sabe o que a gente descobriu de legal? O evento do EDICC foi organizado pelos próprios alunos de pós-graduação do Laboratório de Estudos Avançados em Jornalismo (Labjor), da Unicamp. O Labjor é um centro de referência, no país e na América Latina, para a formação e para os estudos em divulgação científica e cultural.

A partir das 10h, estávamos empolgados esperando pelo momento em que apresentaríamos o pôster sobre o Tagarela! Nós já estávamos comendo as unhas esperando pelo tal coffee break (nome chique para café da manhã), momento em que faríamos a apresentação. Tivemos participações de pessoas interessadas em conhecer a criação do blog. No entanto, várias pessoas ficaram em outro salão. Como o café quentinho e o biscoito ficaram um pouquinho longe de nós, focas falantes, várias pessoas não conseguiram conhecer nosso projeto. E, além disso, só tivemos 30 minutos na sessão de pôster. Para quem voou o trecho Rio-São Paulo, isso foi um pouquinho decepcionante.
Ei, produção, fica aquela dica esperta para aproximar a sessão de pôsteres da área do café na próxima edição. ;)

Ainda assim, foi incrível perceber o engajamento de algumas pessoas que ouviam a respeito do blog. Alguns demonstraram surpresa ao descobrir que quem está fazendo o Tagarela somos nós, dois jovens de ensino médio. Recebemos uma boa dose de motivação e uma pessoa nos pediu para criar vídeos, já que, hoje em dia, muitos jovens adoram um vlog no YouTube. Pode deixar, galera, faremos vídeos; um está para sair em breve! 

video
Um vídeo bem curtinho que mostra a gente apresentando o banner. Mas... ops, ele deveria ter sido filmado na horizontal. 😛😛

Temos mais história para contar sobre o nosso primeiro congresso, mas isso vai ficar para um outro texto. E você? Tem história bacana de algum evento em que participou? Compartilha com a gente, conta como foi. ;)

Até a próxima!

-- 

Curtiu, quer sugerir alguma coisa? Comenta e tagarela com a gente! Pode ser aqui nos comentários ou pelo e-mail tagarelamv@gmail.com. Estamos aceitando ideias de pautas para futuros textos também! blog Tagarela - focas fuçando a “Biotéqui” está sendo realizado no âmbito do projeto World Biotech Tour 2017 (WBT), que tem como objetivo dialogar com a sociedade sobre biotecnologia e divulgação científica. Diversas atividades estão previstas no WBT, entre elas o Programa de Jovens Embaixadores, em que um grupo de estudantes de ensino médio está sendo acompanhado por profissionais do MV para desenvolver projetos nas áreas de biotecnologia e divulgação científica. O Tagarela é um dos projetos desenvolvidos e conta com a supervisão e edição da jornalista Renata Fontanetto. Ah! Está vendo o banner lindo com as foquinhas? Quem fez foi a Alana Moreira, estagiária de design no Museu da Vida!

Nenhum comentário:

Postar um comentário